logotype
BREVE HISTÓRICO
Qua, 03 de Novembro de 2010 21:59
Anteriormente à fundação da Congregação Espírita Umbandista do Brasil, nosso saudoso irmão Tancredo da Silva com alguns amigos, fundou a Confederação Espírita Umbandista do Brasil, em 1950, com sede provisória na Rua do Lavradio nº 102 – sobrado, permanecendo a Confederação até o final de 1967.

Quando implantado o regime militar em 1964, faziam parte da Confederação Espírita Umbandista do Brasil, Tancredo da Silva Pinto aliado a outros, e também o General Mauro Porto - este como uma espécie de interventor militar, criando com o Tata Tancredo e demais membros da Diretoria, diversos atritos de ordem administrativa.

Inconformado, Tancredo, o Tata de Inkice do Omolocô, desligou-se da Confederação e fundou a Congregação Espírita Umbandista do Brasil, em 20 de janeiro de 1968, formando sua nova Diretoria e seus Estatutos com os companheiros que também se desligaram  e mais alguns abnegados defensores da Umbanda e dos cultos afros, como Mamede José D’Avila, Martinho Mendes Ferreira, Paulino da Mata, Paulo Vieira, Arthur da Silva Sá, Arnaldo dos Anjos Martins, José Alcides, Adjovanes Benedito de Aguiar, Antonio Pereira Camelo, Marcelo Medeiros e outros.

Esse advento da fundação da atual Congregação aconteceu na residência do Tata Tancredo, onde funcionou provisoriamente, transferindo-se mais tarde para a Rua Pedro Alves n.º 117, no bairro de Santo Cristo, onde permaneceu de 1968 até 1970; mudou-se para a Rua do Riachuelo, n.º 373, sala 403, no Centro, lá permanecendo até 1998, quando então, sob a gestão da sua atual Diretoria, veio para a Rua Sampaio Ferraz, 29, no Estácio de Sá, ali permanecendo até a presente data.